Iansã

 

1.

Iansã Orixá de Umbanda

Rainha de nosso Congá

Saravá Iansã lá na Aruanda

Eparrei, eparrei

Iansã, venceu demanda

Iansã, Saravá Pai Xangô

No céu trovão roncou

E lá na mata Leão bradou

Saravá Iansã, Saravá Xangô

 

2.

Oh, Iansã menina

É do cabelo louro

Sua espada é de prata

Sua coroa é de Ouro

 

3.

Iansã tem um leque que venta

Prá abanar dia de calor

Iansã mora na pedreira

Eu quero ver meu Pai Xangô

 

4.

Iansã cadê Ogum? Foi pro mar

Iansã penteia os cabelos macios

Quando a luz da lua cheia

Clareia as águas do rio

Ogum sonhava com a filha de Nana

E pensava que as estrelas

Eram os olhos de Iansã

Mas Iansã, cadê Ogum? Foi pro mar

Na terra dos Orixás

O amor se dividia

Entre um Deus que era de paz

E outro que combatia

Como a luta só termina

Quando existe um vencedor

Iansã virou rainha

Da coroa de Xangô.

Mas Iansã, cadê Ogum? Foi pro mar.

Deixe uma resposta